Estudo sobre o impacto das mudanças climáticas na ocorrência de doenças vetoriais como dengue e malária nos biomas brasileiros

Laboratório de Informação em Saúde - LIS
Pesquisadores

Christovam Barcellos (Lis/Icict/Fiocruz) - coordenador
Mônica A F Magalhães (Lis/Icict/Fiocruz)
Antônio Miguel V. Monteiro
Izabel Reis
Nildimar Honório
Cláudia Codeço
Marilia Sá Carvalho
Rachel Lowe
Helen da Costa Gurgel
Sandra Hacon
Vanderlei Pascoal de Matos
Diego Ricardo Xavier Silva
Eliane Lima e Silva 

Os eventos e ciclos climáticos estão intrinsecamente ligados aos padrões de uso do solo e da apropriação de recursos naturais. Também é importante destacar que os impactos dessas mudanças sobre a saúde são extremamente diferenciados, dependendo da vulnerabilidade dos grupos populacionais e de sua resiliência. Diferentes populações, vivendo em espaços diferenciados, apresentam distintas constituições para suas vulnerabilidades, entendida neste contexto mais amplo como a capacidade de resposta de indivíduos, grupos e comunidades aos potenciais perigos deflagrados por eventos relacionados a mudanças climáticas e ambientais em qualquer fase dos ciclos dos diversos processos saúde-doença. Segundo esta concepção, a vulnerabilidade destas populações está associada ao seu lugar, e sua caracterização não pode prescindir de uma visão ecológica e de abordagens espaciais em saúde pública.

Observar a distribuição espacial da população e sua dinâmica, os indicadores locais de pobreza e segregação sócio-espacial, a situação dos programas de monitoramento e controle, bem como a dinâmica dos elementos naturais dos ecossistemas urbanos e dos biomas em que estão inseridos são alguns dos componentes que permitirão descrever, medir e acompanhar a vulnerabilidade em saúde de grupos populacionais aos potenciais cenários climáticos futuros e preparar o setor saúde para o seu enfrentamento.

Assuntos relacionados

Laboratório de Informação em Saúde - LIS

Atua na geração e divulgação de informações para a formulação de políticas públicas e monitoramento do sistema de saúde, da situação de saúde da população brasileira e seus determinantes sociais e ambientais.

Pesquisadores do Instituto

Perfil dos pesquisadores do Icict

Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Icict/Fiocruz)
Av. Brasil, 4.365 - Pavilhão Haity Moussatché - Manguinhos, Rio de Janeiro
CEP: 21040-900 | Tel.: (+55 21) 3865-3131 | Fax.: (+55 21) 2270-2668

Este site é regido pela Política de Acesso Aberto ao Conhecimento, que busca garantir à sociedade o acesso gratuito, público e aberto ao conteúdo integral de toda obra intelectual produzida pela Fiocruz.

O conteúdo deste portal pode ser utilizado para todos os fins não comerciais, respeitados e reservados os direitos morais dos autores.

logo todo somos SUS