VideoSaúde - Programação - Maio 2018

Conheça as narrativas de mulheres sobre o nascimento de seus filhos e as condições do parto, e as questões associadas ao parto natural e às cesarianas. Viaje até o oeste do Pará para conhecer o cotidiano dos índios e as condições de saúde locais. Já ouviu falar de paracoco? Não? Pois saiba que está entre as dez doenças crônicas que mais causam mortes no país. Por fim, um retrato das vivências de ex-pacientes do Hospital Psiquiátrico São Pedro.

Temas de importância no debate público estão em destaque nos filmes selecionados para o Programa VideoSaúde: a questão indígena, a saúde mental, as condições do parto e uma doença pouco conhecida, mas de extrema importância no quadro epidemiológico do Brasil. Por meio de diferentes títulos, narrativas envolventes e múltiplas vozes, os temas chegam ao público ao longo do mês. A programação é exibida sempre às segundas-feiras, às 22:30, no Canal Saúde, com reprises em diferentes dias da semana.

Paracoco – Endemia Brasileira
07/05, segunda-feira, 22:30
Canal Saúde: TV digital 2.4 Rio e Brasília | 62.4 São Paulo | on-line: www.canal.fiocruz.br

Paracoco – endemia brasileira percorre quatro estados brasileiros ouvindo pessoas que contraíram a doença e profissionais de saúde, para retratar sintomas, formas de contágio e pesquisas, destacando a importância do diagnóstico no tratamento dos pacientes. A paracoco, como é mais conhecida, está entre as dez doenças crônicas que mais causam mortes no país. No Brasil, ocorrem 80% dos casos da doença, que se restringe à América Latina. Trata-se de uma micose brasileira que ataca qualquer órgão ou sistema do organismo e prejudica, principalmente, a saúde do trabalhador rural.

Reprises:
09/05, quarta-feira, às 22:30
11/05, sexta-feira, às 22:30
13/05, domingo, às 21:30

Nascer no Brasil: Parto, da violência obstétrica às boas práticas
14/05, segunda-feira, 22:30
Canal Saúde: TV digital 2.4 Rio e Brasília | 62.4 São Paulo | on-line www.canal.fiocruz.br

No Brasil, a chance de dar à luz sem intervenções durante o trabalho de parto é remota. Apenas 5% das mulheres tiveram essa experiência, segundo a pesquisa Nascer no Brasil, coordenada pela Ensp/Fiocruz. Muitos procedimentos passaram a ser usados de forma rotineira, causando mais traumas do que benefícios. O documentário aborda a realidade de nascer no Brasil e para qual direção caminhamos.

Reprises:
16/05, quarta-feira, às 22:30
18/05, sexta-feira, às 22:30
20/05, domingo, às 21:30

Ruínas da Loucura
21/05, segunda-feira, 22:30
Canal Saúde: TV digital 2.4 Rio e Brasília | 62.4 São Paulo | on-line www.canal.fiocruz.br

Um retrato do cotidiano de Ecton, Jorge, Israel, Abel, Marli e seus dois irmãos, Manoel e Regina: histórias de vida que se cruzam e a possibilidade de viver diferente num lar – o Serviço Residencial Terapêutico Morada Viamão, criado em 2005 para abrigar ex-pacientes do Hospital Psiquiátrico São Pedro.

Reprises:
23/05, quarta-feira, às 22:30
25/05, sexta-feira, às 22:30
27/05, domingo, às 21:30

Ehcimakî Kirwañhe: um debate na saúde Indígena
28/05, segunda-feira, 22:30
Canal Saúde: TV digital 2.4 Rio e Brasília | 62.4 São Paulo | on-line www.canal.fiocruz.br
 
Aborda a discussão sobre a estruturação e o funcionamento da rede de saúde indígena no oeste do Pará, na região do Mapuera. Participam do documentário diferentes interlocutores, agentes indígenas de saúde, profissionais da Casa de Apoio à Saúde Indígena, sanitaristas e outros profissionais do Sistema Único de Saúde. A partir do olhar proposto pela Política Nacional de Humanização da Assistência em Saúde, apresenta reflexões e diálogos sobre o uso da medicina tradicional, a produção da demanda pelo serviço de saúde indígena e a relação com a diferença.

Reprises:
30/05, quarta-feira, às 22:30
01/06, sexta-feira, às 22:30
03/06, domingo, às 21:30

Texto: Cris Gomes (Estágio curricular - VideoSaúde/Icict)

Assuntos relacionados

População já pode acessar on-line o catálogo da VideoSaúde Distribuidora

Banco de Recursos Audiovisuais em Saúde (BRAVS) permite ao usuário solicitar cópias de vídeos de todo o acervo

Para saber mais

Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Icict/Fiocruz)
Av. Brasil, 4.365 - Pavilhão Haity Moussatché - Manguinhos, Rio de Janeiro
CEP: 21040-900 | Tel.: (+55 21) 3865-3131 | Fax.: (+55 21) 2270-2668

Este site é regido pela Política de Acesso Aberto ao Conhecimento, que busca garantir à sociedade o acesso gratuito, público e aberto ao conteúdo integral de toda obra intelectual produzida pela Fiocruz.

O conteúdo deste portal pode ser utilizado para todos os fins não comerciais, respeitados e reservados os direitos morais dos autores.