Icict realiza encontro sobre ciência aberta, sustentabilidade e OJS

por
Assessoria de Comunicação do Icict/Fiocruz
,
29/05/2024

No ano em que se completam 10 anos da Política de Acesso Aberto da Fiocruz, o Icict inicia um ciclo de encontros sobre as tecnologias da informação e da comunicação para a ciência aberta.

A primeira edição será nos dias 26 e 27 de junho, com o tema ‘Desafios da comunicação científica: ciência aberta, sustentabilidade e OJS’.

O OJS, sigla para Open Journal Systems, é um software de código aberto que abrange todas as fases do processo editorial de publicação científica, desde a submissão dos trabalhos até sua publicação e disseminação.

Desenvolvido pelo Public Knowledge Project (PKP), o OJS é utilizado por mais de 25.000 revistas científicas em todo o mundo e conta com uma grande comunidade que, além de fornecer suporte aos usuários, garante a sua melhoria contínua. O software tem evoluído conforme as necessidades da comunidade em um contexto internacional, tornando-se uma referência na gestão editorial de revistas científicas.

A Revista Eletrônica de Comunicação, Informação e Inovação em Saúde (Reciis) é um dos periódicos brasileiros que usa o sistema. De cunho interdisciplinar, o periódico editado pelo Icict é voltado para as áreas de comunicação, informação e saúde coletiva. O evento também celebra a marca de 17 anos de atividades da Reciis, que vem operando, desde o seu nascimento, com o OJS .

Sobre o evento

Com o objetivo de envolver profissionais de diversas áreas na adoção, utilização e desenvolvimento do OJS, além de oferecer uma visão ampla sobre o movimento pela ciência aberta e a importância de infraestruturas abertas para sua implementação, serão apresentadas palestras que vão desde o movimento global pela ciência aberta, passando por temas emergentes e infraestruturas brasileiras.

Contando com uma parte prática, será oferecida oficina para o desenvolvimento e troca de experiências, apoiando e fortalecendo a gestão eletrônica dos periódicos científicos junto às unidades da Fiocruz.

Podem participar pesquisadores e coordenadores de programas de pós-graduação, alunos, membros de equipes editoriais de periódicos científicos, editores, bibliotecários, arquivistas, profissionais da área de TI, designers, jornalistas e demais interessados, tanto da Fiocruz como de outras instituições de pesquisa ou universidades.

No primeiro dia, a programação está localizada na Biblioteca de Manguinhos, e contará com mesa de abertura com autoridades do Icict e da Fiocruz, e mesas temáticas com palestrantes convidados.

O  pesquisador Juan Pablo Alperin, que é professor associado da Simon Fraser University (Canadá), diretor científico do Public Knowldege Project (PKP) e codiretor do Scholarly Communications Lab, dialogará em torno da pergunta: se somos contra as taxas de processamento de artigos, somos a favor de que? A sessão será apresentada em espanhol, com tradução simultânea.

Em seguida, Eloy Rodrigues, diretor da Unidade de Serviços de Documentação e Bibliotecas (USDB) da Universidade do Minho (Portugal) apresentará a iniciativa COAR Notify e discutirá como promover a interoperabilidade e a inovação na comunicação científica. A participação será remota. As duas sessões terão mediação de Elisa Silveira, coordenadora da Editoria Científica do Icict (EDICT) e coordenadora editorial da Reciis.

Na parte da tarde, dando prosseguimento às discussões, Washington Segundo, coordenador-geral de Informação Científica e Técnica do Ibict, abordará algumas das infraestruturas brasileiras para ciência aberta.

Depois, o editor-executivo da Bahiana Journals, João de Deus Barreto, que também é docente da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública, propõe uma discussão sobre adesão à ciência aberta, questionando se os desafios são estruturais ou de comportamento. As sessões terão mediação de Luciana Danielli, coordenadora do Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação do Icict (CTIC).

Oficina

Na quinta-feira, 27/6, o evento muda de local para o Laboratório do Programa de Pós-Graduação em Informação e Comunicação em Saúde (PPGICS), que fica no edifício sede do Campus Fiocruz Maré (Expansão).

A atividade terá como foco o OJS, a atualização do sistema, seu uso eficiente e a troca entre os usuários. O ministrante será Jânio Sarmento, que é profissional autodidata em administração de sistemas e ambientes Linux, com mais de 30 anos de experiência. Ele é administrador de sistemas sênior da PKP desde 2019, e atualmente é discente no curso de especialização em DevOps.

Confira a programação completa e a biografia dos participantes no programa do evento, disponível em PDF neste link ou no menu ao lado.

As vagas são limitadas, devido à capacidade de assentos nos locais do evento.  As inscrições devem ser feitas pelo link eventos.icict.fiocruz.br

Atualização: Vagas para a oficina presencial esgotadas.

Arquivos para download

Assuntos relacionados

Selo Comemorativo - 10 anos da Política de Acesso Aberto da Fiocruz

O Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Icict/Fiocruz) lança, em abril de 2024, o selo comemorativo dos 10 anos da Política de Acesso Aberto ao Conhecimento da Fiocruz. Com o intuito de garantir à sociedade o acesso gratuito, público e aberto ao conteúdo integral da obra intelectual produzida pela Fundação, a Política foi institucionalizada em 2014, reforçando o compromisso da instituição com a democratização do conhecimento e do acesso à informação científica.

Para saber mais

Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Icict/Fiocruz)
Av. Brasil, 4.365 - Pavilhão Haity Moussatché - Manguinhos, Rio de Janeiro
CEP: 21040-900 | Tel.: (+55 21) 3865-3131 | Fax.: (+55 21) 2270-2668

Este site é regido pela Política de Acesso Aberto ao Conhecimento, que busca garantir à sociedade o acesso gratuito, público e aberto ao conteúdo integral de toda obra intelectual produzida pela Fiocruz.

O conteúdo deste portal pode ser utilizado para todos os fins não comerciais, respeitados e reservados os direitos morais dos autores.

Logo acesso Aberto 10 anos logo todo somos SUS